Logo Cidade Internet

Todos os artigos com a tag miyamoto

Miyamoto: "Chances de me envolver em próximo título Mario são pequenas"

Publicado por Alexandre Beskow


O nome de Shigeru Miyamoto dispensa apresentações, sendo ele o verdadeiro pai das principais franquias da Nintendo que seguem conquistando jogadores ao longo dos anos, não sendo muito diferente nas telas do Nintendo Wii U. Entretanto, Miyamoto cada vez mais vem deixando claro que não pretende mais se envolver diretamente nesse tipo de projeto, e deixou claro que apesar de sempre estar atento aos detalhes envolvendo jogabilidade, pretende se dedicar a uma série de projetos menores. Acompanhem:

“O sentimento geral dentro da Nintendo é que estamos muito satisfeitos com o nosso trabalho, levando até os jogadores não apenas mais um título de uma de nossas maiores franquias, mas sim um produto de qualidade que segue inovando da mesma forma que sempre fez ao longo de todos os anos da franquia. Criar um jogo no calibre de Super Mario 3D World como se deve imaginar requer muito esforço e muita energia por parte dos responsáveis, de forma que existe sim uma chance de eu trabalhar em um próximo jogo da série, mas devo deixar claro que a chance disso realmente acontecer é pequena.”

“Para quem acompanha minhas entrevistas, essa declaração não chega a ser nada diferente do que tenho deixado claro nos últimos tempos: Eu quero me envolver de maneira mais direta e profunda em uma série de projetos menores, mas isso não necessariamente significa que vão ser jogos completamente desconhecidos lançados diretamente através de download. Isso costuma deixar muitos jogadores que acompanham a Nintendo preocupados com o futuro das franquias, mas apenas porque eu não sou o produtor de um título não significa que eu não esteja atento ao projeto. Eu sempre faço questão de verificar aspectos da jogabilidade, de forma que confio nos profissionais e os jogadores da mesma forma não tem absolutamente nada com que se preocuparem.”

Via | Dual Shockers

Inafune: "Um criador de jogos que nunca jogou Mario provavelmente não é muito bom no que faz"

Publicado por Alexandre Beskow


Mario é muito mais do que o rosto a frente da Nintendo. Ele é um verdadeiro marco no mundo dos jogos, e para muitos é uma parte indispensável até mesmo para os profissionais da área. Falando um pouco a respeito do assunto, ninguém menos do que o criador de Mega Man e do mais recente financiado projeto Mighty No. 9 Keiji Inafune deixou claro que um criador que não tenha jogado um título estrelado pelo encanador, provavelmente não é muito bom naquilo que faz. Acompanhem:

“Da minha maneira de ver as coisas, qualquer criador de jogos em atividade que jamais jogou qualquer título da franquia Mario, produzida ao longo de tantos anos pela Nintendo provavelmente não é bom naquilo que optou como sendo sua profissão. E isso é algo que eu afirmo com 100% de certeza. Mario pode parecer um tanto nostálgico, mas é uma verdadeira bíblia do desenvolvimento na área. Existem muitos elementos presentes que servem como divas da maneira correta de utilizar um bom design, construir personagens carismáticos, manter-se inovando e aplicar uma boa jogabilidade a fórmula. Ao longo dos anos, sempre considero válido parar frequentemente para ver os novos jogos e examinar tudo do ponto de vista de um criador. Pode parecer um pouco de exagero, mas se observarmos com atenção podemos perceber que muitos dos elementos presentes servem como uma ancora que da firmeza a boa parte dos jogos lançados no mercado.”

“Shigeru Miyamoto, que criou tudo isso é alguém que eu tenho um completo respeito. As pessoas falam sobre ele em diversos países espalhados pelo mundo em vários idiomas, é uma figura que todos realmente conhecem. Ele é um dos responsáveis por levar a frente a cultura do Japão e espalhar por todo o mundo mostrando a nossa força para o Ocidente. Ele é alguém que merece respeito absoluto de todos, e uma boa parte disso é devido as suas criações e o que eles representam para a Nintendo e o universo dos jogos. Basta parar para pensar no impacto que Super Mario Bros. 3 teve no momento de seu lançamento: Ele ainda hoje é um jogo simplesmente fantástico e permanece na memória de muitos como não sendo apenas um dos melhores da franquias, mas um dos melhores jogos já lançados até hoje.”

Via | Gamespot

Miyamoto diz não ser mais "necessário" para a Nintendo

Publicado por Alexandre Beskow


Frequentemente surgem pela internet assuntos envolvendo a suposta aposentadoria de Shigeru Miyamoto em seu cargo da Nintendo, sendo que anteriormente um simples rumor apontando isso fez com que as ações da empresa despencassem. Entretanto, Miyamoto voltou a afirmar que a sua posição na empresa não é tão mais necessária para acompanhar cada etapa do processo de desenvolvimento das grandes franquias de forma que acredita plenamente na capacidade das equipes em produzir jogos de qualidade. Acompanhem a declaração:

“Como foi possível a todos verem durante a apresentação da Nintendo na E3, eu basicamente fui expulso do palco durante a apresentação, pois a minha presença ali não se fazia realmente necessária. E isso representa não apenas o evento, mas é o cenário atual da empresa, eles não precisam mais de mim! A responsabilidade final no que diz respeito a todo novo projeto, no que diz respeito a aprova-lo ou não ainda esta a meu critério e eu continuo envolvido com todos eles, mas eu definitivamente estou apto a deixar a empresa de forma que as principais franquias que os jogadores acompanham ao longo de todos estes anos estão em mãos mais do que seguras.”

“A mudança diz respeito a falta de necessidade que eu acompanhe o processo de desenvolvimento em tempo integral. Eu confio nos profissionais de forma que acredito no nível de qualidade dos profissionais em seu trabalho mesmo que eles não estejam sendo supervisionados em período integral. Isso não é apenas uma decisão minha: Koizumi que é o produtor da série de jogos Mario esta na mesma situação, assim como os responsáveis por Mario Kart e Animal Crossing. Estes produtores são talentosos o suficientes para levar o projeto tranquilamente sozinhos, mantendo o padrão de qualidade que a Nintendo manteve ao longo de todos estes anos.”

Via | Nintendo Life

Miyamoto: "Jogos deveriam ser mantidos pelo jogador sem limitações"

Publicado por Alexandre Beskow

 

Você pode não ser um grande fã da Nintendo, você pode odiar as franquias e preferir os jogos que coleciona em seu PlayStation 3 e não tem nada que eu possa dizer para questionar a sua escolha, mas todo jogador a sua maneira respeita a importância de Shigeru Miyamoto no mercado ao longo dos anos, especialmente porque é quase impossível alguém da minha geração pelo menos não ter passado boas horas tentando salvar uma princesa enquanto pisava em cascos de tartaruga e explorava castelos. Assim sendo, ele tem mais do que direito de deixar clara sua opinião a respeito de como o mercado de jogos deveria ou não deveria ser, afinal de contas se ele não pode fazer isso, praticamente ninguém tem esse direito.

 

E durante a E3 2013, uma questão que foi foco de atenções dizia respeito ao uso ou não de jogos usados pelas novas plataformas em uma discussão que ainda promete dar muito o que falar. E mesmo a Nintendo não tendo lançado um console no evento deste ano, Miyamoto deixou claro o que muitos já sabem ser o ponto de vista da empresa: Ele ve a relação de lançar jogos como a de vender brinquedos, sendo que uma vez que você adquire, não existe porque limitar a sua diversão com o tempo, ele é seu e sempre que desejar pode utiliza-lo sendo que nada deveria limitar essa experiência de qualquer maneira. Acompanhem:

“Algo que realmente é importante de ser comentado é que a Nintendo deve ser observada da mesma forma que uma empresa fabricante de brinquedos, que faz produtos para que outras pessoas se divertam com eles. Como um consumidor, você uma vez com o produto em mãos deveria ter uma liberdade completa de manter o produto em suas mãos por um período de tempo extenso, praticamente indeterminado, para que caso um dia você deseje recordar daquela experiência mais uma vez ter meios para faze-lo. Eu realmente quero que a Nintendo seja capaz de manter essa natureza em seus produtos, para mim entretenimento é algo realmente importante. Continuar criando jogos capazes de entreter as pessoas é uma importante meta que sempre tenho em vista.”

 

Via | Eurogamer

Miyamoto pede paciência aos proprietários do Wii U

Publicado por Alexandre Beskow

Não chega a ser uma novidade que o Nintendo Wii U não esteja indo tão bem quanto o esperado, mas a Nintendo não parece muito preocupada com o desempenho de seu console. Shigeru Miyamoto deixou claro isso, solicitando paciência aos proprietários, comentando que os diferencias do console podem a primeira vista afastar tanto jogadores quanto desenvolvedores de jogos, mas tem confiança que esta é uma situação que vai mudar com o passar do tempo. Confiram:

 

“Se pararmos um momento para analizar os lançamentos da Nintendo ao longo dos anos, houve um período em que o Nintendo DS não era visto com bons olhos, uma vez que as pessoas diziam que não havia como os jogadores acompanharem duas telas ao mesmo tempo. Eu acredito que a medida que as pessoas ficarem mais familiarizadas com o Nintendo Wii U e suas funções, eventualmente chegaremos ao ponto em que elas vão sentir que não tem a liberdade de fazer tudo aquilo que desejam sem uma segunda tela a sua completa disposição.”

 

“Um outro ponto que eu penso é em como a Nintendo pode atuar para receber as pessoas novas para o console e auxiliar eles a captar as funções do Wii U. Para mim em um ponto de vista de desenvolvedor de jogos, eu olho para o console de uma perspectiva diferente dos jogadores, sendo que em minha mente primariamente vem quais são os jogos que podemos levar para o console. Esse raciocínio pode e vai ser incorporado pelas demais empresas com o passar do tempo, a medida que descubram o enorme potencial oferecido pela nossa tecnologia.”

 

Via | CNN

Miyamoto: "Wii U oferece diversas possibilidades as partidas online"

Publicado por Alexandre Beskow

Ao contrário de suas rivais, por muito tempo o foco da Nintendo não foi partidas online ou suporte a isso de nenhuma forma. Falando um pouco sobre o assunto, Miyamoto deixou claro que a situação agora é completamente diferente, e que o Nintendo Wii U vai preencher esse espaço, acreditando que existem diversas pssoibilidades a serem exploradas com o lançamento do console. Acompanhem a declaração:

“Por um longo período a Nintendo não teve como foco utilizar modos online para partidas entre jogadores. A explicação para isso se deve ao fato que por ter feito isso a alguns anos atrás teria de acordo com nossas impressões teria um alcance limitado dentro do nosso público de jogadores. Entrentanto, agora nós percebemos a quantidade crescente de jogadores que esta sempre conectada a internet. Isso por si abre uma quantidade enorme de possibilidades a serem exploradas.”

“Com o Wii U, nós acreditamos proporcionar a ferramenta ideal para familias que querem se manter conectadas, de forma a utilizar o aparelho de TV da sala para que todos que estiverem ao redor possam visualizar o que esta acontecendo. Eu realmente quero ver o impacto que isso vai causar a curto prazo. No que diz respeito a um futuro mais distante, é algo que não compreende minhas expectativas nesse exato momento.”

Miyamoto fala sobre Pikmin 3 e Zelda para Wii U

Publicado por Alexandre Beskow

Pikmin 3 é um jogo bastante esperado pelos proprietários do Nintendo Wii U, e a lenda Shigeru Miyamoto gostara que o jogo fizesse parte da lista de jogos iniciais para a plataforma, mas entende que os novos recursos oferecidos pelo sistema fazer com que os programadores levem um pouco mais de tempo na fase de desenvolvimento. Da mesma forma, Miyamoto comentou que o próximo Zelda já esta em desenvolvimento, mas vai levar algum tempo para ser lançado, acompanhem:

“Se você olhar pra o recente histórico da Nintendo, no momento que o Wii foi lançado no mercado nós estavamos prontos para lançar Wii Sports, que foi uma série completamente nova juntamente com um jogo da franquia Zelda, que era algo muito esperado pelos jogadores. No que diz respeito ao Wii U, nós fizemos algo semelhante ao lançar Nintendo Land juntamente com um título Super Mario. Um Zelda para o console está atualmente em fase de desenvolvimento, e vai levar um pouco mais de tempo até que o seu lançamento ocorra.”

“Do meu ponto de vista, idealmente seria perfeito se o lançamento de Pikmin 3 fosse proximo ao dia que o console originalmente foi lançado. Entretanto, se tratando o Wii U de uma tecnologia completamente nova, precisando ser explorada. Assim, leva algum tempo para que os programadores descubram melhor os recursos a sua disposição. O console e ainda capaz de muito além do que ja foi visto, e ainda temos muito o que aprender para levar aos jogadores em nossos próximos projetos.”

Via | Techland

Shigeru Miyamoto: "Falar de minha aposentadoria serve para preparar os novos profissionais"

Publicado por Alexandre Beskow

Uma das notícias que surgem ao menos uma vez por ano dizem respeito a uma suposta aposentadoria de Shigeru Miyamoto. Entretanto, os fãs de um dos homens mais importante da história dos jogos podem ficar tranquilos, uma vez que o próprio mais uma vez afirmou que se trata apenas de uma estratégia dele dentro da Nintendo para preparar a próxima geração para sua aposentadoria, que de uma forma ou de outra vai ocorrer eventualmente, acompanhem:

“Esse ano eu completo 61 anos de idade, de forma que seria estranho se eu não pensasse em um assunto como finalmente me aposentar. Entretanto, o número de projetos que eu tenho me involvido e o volume de trabalho na minha participação de cada um deles não foi alterado. Ao invés disso, o que estamos fazendo internamente na Nintendo é preparar todos para a idéia que um dia eu posso vir a não fazer mais parte do quadro de funcionários.”

“De forma que todos sintam que isso realmente pode acontecer, o que estou fazendo e fingir que eu não estou trabalhando em metade dos projetos que estaria participando normalmente, de forma a fazer com que os novos profissionais fiquem mais envolvidos. Apesar dos rumores que sempre surgem a respeito da Nintendo
, isso não significa que esteja em meus planos me aposentar agora, é apenas uma questão de preparar todos para algo que com certeza vai ocorrer no futuro.”

Via | Gamespot

Miyamoto: "Dificuldade elevada esta presente em Pikmin 3"

Publicado por Alexandre Beskow

Mais uma franquia conhecida dos jogadores da Nintendo esta prestes a fazer seu retorno. Desta vez se trata de Pikmin, e segundo o que foi revelado por Shigeru Miyamoto, será muito mais semelhante com o título original. Miyamoto declarou que a dificuldade mais elevada vai estar de volta em Pikmin 3, já que para ele isso é aquilo que a série originalmente pretendia apresentar aos jogadores:

“Isso se trata de algo que todos aqueles envolvidos diretamente no processo de desenvolvimento tiveram que debater desde o momento em que estavamos descutindo qual seria o melhor rumo a se tormar com relação ao desenvolvimento de Pikmin 3. Antes de qualquer outra coisa, ao observarmos o Pikmin original nós percebemos que não se tratava de um jogo muito fácil para as pessoas que não o conhecia jogarem, e isso depois de algum tempo acabava resultando em um certo nível de stress.”

“Assim sendo, quando a Nintendo tomou a decisão de lançar Pikmin 2 buscamos nos livrar disso o máximo possível, para que fosse algo extremamente agradável aos olhos dos jogadores. Bem, nem mesmo eu concordei completamente com a decisão: Pikmin se trata de um jogo de estratégia, e o resultado do jogo original foi exatamente o que eu queria reproduzir. Ao desenvolver o novo título, reunimos aqueles que participaram do jogo anterior e falamos a respeito da importância de voltarmos ao basico, trazendo de volta as bases do primeiro Pikmin.”

Via | Official Nintendo Magazine

Problemas na história de Paper Mario: Sticker Star cabem diretamente a Miyamoto

Publicado por Alexandre Beskow

Paper Mario: Sticker Star tem uma reclamação por parte dos jogadores que é quase absoluta: A história é quase que inexistente, o que atrapalha especialmente sendo um RPG, ou algo próximo. Curiosamente, se os proprietários do Nintendo 3DS querem culpar alguém, a culpa é de ninguém menos do que Shigeru Miyamoto, segundo declarou o produtor responsável Kensuke Tanabe:

“Quando o projeto de Paper Mario: Sticker Star foi inciado, além de nos solicitar que muitos elementos da atmosfera do jogo sofressem alterações, haviam dois pontos em principal que Miyamoto deixou claro:A participação do maior número de personagens do universo de Super Mario possível e que o jogo estava indo muito bem sem uma história, e que talvez ela não fosse tão necessária no final das contas.”

“No início eu tinha uma opinião semelhante, afinal de contas tudo que é realmente necessário em jogos como esse é apresentar uma razão para que os jogadores precisem derrotar o vilão final, sem ser necessária uma trama muito complexa como ocorre geralmente em RPGS. Dessa forma, optamos por colocar características de um jogo de portátil para que este fosse jogados aos poucos, colocando uma série de pequenos episódios ao longo do título.”

Via | Kotaku